Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Vídeo: Homem é preso após ataques racistas a funcionária de supermercado

Vídeo: Homem é preso após ataques racistas a funcionária de supermercado

Um homem foi preso em flagrante, no último domingo (14), acusado de injúria racial contra uma operadora de caixa de um supermercado no setor Marista, região nobre da cidade de Goiânia, em Goiás. Segundo o Metrópoles, testemunhas relataram que o homem disse para a funcionária do estabelecimento que não queria ser atendido por uma “preta”.

Constrangida com a situação, a atendente do supermercado, que tem 19 anos, chegou a chorar depois de ser agredida pelo cliente do estabelecimento. “Além dessa demora, eu ainda tenho que ser atendido por uma preta! Não irei falar baixo com uma preta! Sou racista mesmo! E não sou obrigado a conversar com uma preta”, afirmou o suspeito à jovem, de acordo com a Polícia Civil.

Ainda de acordo com testemunhas, após cometer as injúrias raciais contra a funcionária na frente de diversas pessoas que estavam próximas aos caixas, o homem saiu correndo. “Ele falou assim: ‘Eu fico 30 minutos esperando, quando eu sou atendido é por uma preta, isso é um absurdo’. Depois começou a falar: ‘Sua preta’”, relata uma cliente que presenciou o fato.

Uma segunda testemunha contou ainda que o suspeito se recusou a ser detido pelos policiais sem a presença do seu advogado. Pouco antes de ser preso, o homem mandou “beijinho” e acenou para as pessoas que presenciavam a cena e aplaudiram a ação policial.

Assista:

Informações: Bnews

OUTRAS NOTÍCIAS