Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Jovem é encontrada morta a facadas e filho de três anos afogado em cisterna

Jovem é encontrada morta a facadas e filho de três anos afogado em cisterna

A jovem Leandra Firmino de Lima de 18 anos foi encontrada morta em sua casa, em Conceição do Jacuípe, e seu filho de apenas 3 anos, que estava desaparecido foi achado morto em uma cisterna próxima da residência.

Leandra foi encontrada pelo pai, na quinta-feira (18), no Loteamento Pedro de Silva de Castro. Já o filho, no entanto, foi dado como desaparecido, vindo a ser encontrado apenas no sábado (20), morto em uma cisterna.

“Eu cheguei na quinta-feira, encontrei minha filha morta dentro de casa. Procurei por meu neto e não encontrei. Na sexta-feira, enterrei minha filha. No sábado, encontrei meu neto e enterrei no domingo. Por enquanto, até agora nenhum suspeita e está sob investigação investigação do perito”, relata Erivaldo.

O caso segue sob investigação da Polícia Civil. E segundo o delegado de Conceição do Jacuípe, João Matheus Menezes, o crime pode ser cometido alguém que tinha convívio da vítima. “Temos uma linha de investigação adiantada, que está relacionado à pessoas do convívio da própria vítima. Acreditamos que em pouco tempo a gente vai conseguir chegar à essa autoria”, explicou o delegado.

Segundo laudo do Departamento de Polícia Técnica (DPT) a causa da morte da criança que teve o corpo encontrado em uma cisterna com ferimentos na cabeça, foi afogamento, contrariando a teoria de familiares que imaginaram que seria proveniente de facadas, já que essa foi a causa da morte da mãe.

O laudo da necropsia mostrou que o menino de 3 anos foi sufocado, chegando a desmaiar e jogado ainda com vida na cisterna. O laudo do DPT aponta que mãe e filho morreram no mesmo dia, apesar dos corpos terem sido encontrados em dias diferentes.

OUTRAS NOTÍCIAS