Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Fundação Hospitalar te atraso salarial inédito e Secretaria de Educação em clima de incertezas

Fundação Hospitalar te atraso salarial inédito e Secretaria de Educação em clima de incertezas

Os atrasos salariais na área de Saúde em Feira de Santana chegaram à Fundação Hospitalar. Pela primeira vez em vários anos, o pagamento dos contratados não foi efetuado até o quinto dia útil de janeiro, como acontecia anteriormente.Incertezas também na Secretaria de Educação.

O Protagonista apurou que existe um clima de insatisfação nos equipamentos geridos pela Fundação Hospitalar, devido ao atraso salarial inédito. Contratados que atuam no Hospital da Mulher e CMDI, por exemplo, não escondem a revolta nos corredores. Uma paralisação de advertência já é cogitada.

Na Ativacoop, que atua na Secretaria de Educação, o contrato terminou dia 31 de dezembro. E empresa dispensou os funcionários, como o Protagonista noticiou, na época. Quem procura informações na empresa, recebe a orientação para manter contato com a Secretaria. O conhecido jogo de empurra.

Uma fonte ligada à Secretaria de Educação informou ao Protagonista que diretoras de escolas municipais não pretendem abrir as unidades nesta segunda-feira (17), para evitar constrangimentos pela falta de porteiros.

Quem consegue acesso ao secretário municipal da Fazenda, Expedito Eloy, só recebe como resposta uma única frase: “sem previsão de pagamento”.

Informações: O Protagonista

OUTRAS NOTÍCIAS