Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Saúde em Feira de Santana não está em colapso, afirma infectologista

Saúde em Feira de Santana não está em colapso, afirma infectologista

Em entrevista ao Jornal do Meio Dia, da Princesa FM, nesta segunda (06), a infectologista, gestora do Comitê de Combate ao Coronavírus de Feira de Santana, Dra. Melissa Falcão, afirmou que o sistema de saúde do município não está em colapso e que aguardava a entrega do Hospital Clériston II, para amenizar a situação da falta de leitos na cidade.

“Infelizmente, os leitos do novo Clériston ainda não foram disponibilizados neste momento e por conta disso, o prefeito está vendo de maneira emergencial de 5 a 8 leitos para serem abertos com rapidez e segurança, com a qualidade de assistência. Leitos, quanto mais, melhor, mas estes vão minimizar muito o sufoco, devemos ter muito cuidado quando divulgamos que está em colapso, o que está em colapso é a UTI, não o sistema de saúde”, disse.

Ela continuou, e afirmou que o sistema é muito dinâmico. “Em hipótese nenhuma, o sistema não está em colapsado, o que está sobrecarregado é a terapia intensiva. Alguns leitos foram criados a mais para a covid, mas para a população de Feira a quantidade de leitos ainda não é suficiente, mas este fato não quer dizer que o sistema esteja colapsado. Essa questão de leitos é muito dinâmica, um dia tem leitos, no outro desaparece, pacientes têm alta o tempo inteiro, por enquanto na cidade não teve necessidade de paciente de enfermaria ser transferido para outro hospital por falta de vaga na unidade, dentro da unidade a prioridade é das pessoas que estão internadas”, concluiu.

OUTRAS NOTÍCIAS