Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Polícia Militar impede Ludmilla de se apresentar na Praia de Copacabana

Polícia Militar impede Ludmilla de se apresentar na Praia de Copacabana

Um dos maiores nomes da música brasileira precisou ter o seu show impedido após a possibilidade de exceder o limite de público. Ludmilla, que conseguiu aumentar o seu leque de admiradores durante a pandemia ao lançar o Numanice em 2020, não pode fazer sua apresentação no último domingo (15).

O show, patrocinado pelo Tim Music Festival, ocorreu normalmente na Praia de Copacabana e recebeu diversos artistas brasileiros. O limite total era de 60 mil pessoas, mas, com a confirmação de Ludmilla no evento, a quantidade iria ultrapassar, sendo excedida absurdamente.

A coluna do jornalista Leo Dias, do site Metrópoles entrou em contato com a assessoria de Ludmilla para confirmar a informação e, em nota, eles acrescentaram que o batalhão da Polícia Militar “concluiu não ter contingente para atender a demanda de público, baseado no histórico do grande público nos shows da cantora”.

Leia o comunicado na íntegra

“Informamos que a cantora Ludmilla foi convidada para estar no line-up do TIM Music Festival, evento aberto ao público, realizado na Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, mas a apresentação não foi realizada pois, segundo a produção do mesmo, o batalhão da PM da região concluiu não ter contingente para atender a demanda de público, baseado no histórico dos shows da cantora que batem recordes de público tanto na tradicional festa de Réveillon na Praia de Copacabana quanto no bloco Fervo da Lud, realizado nas ruas do Centro da cidade do Rio de Janeiro”

Fonte: bnews.com.br

OUTRAS NOTÍCIAS