Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Motoristas de aplicativos paralisam as atividades para pedir aumento da tarifa

Motoristas de aplicativos paralisam as atividades para pedir aumento da tarifa

Na manhã desta segunda-feira (1º), em Feira de Santana, motoristas de aplicativos paralisaram as atividades, com o intuito de protestar contra a baixa tarifa que é paga pelas corridas. O protesto iniciou em frente ao terminal rodoviário e seguiu pela Avenida Presidente Dutra.

Segundo o motorista cadastrado nos aplicativos Uber e 99, Everson da Silva Matos, há muito tempo o valor da tarifa mínima não tem aumento. Ele reclama que com o alto custo do combustível os motoristas não estão conseguindo obter lucros.

“Hoje a nossa tarifa é em média R$ 4,40, sendo que uma passagem de ônibus aqui em Feira custa 4,50, e tem lugares que é até mais. Nós estamos rodando de graça, ajudando a população e sem retorno do aplicativo para nosso sustento. A nossa causa não é política e sim da classe trabalhadora”, afirmou Everson.

Outro motivo para a paralisação foi a diminuição do valor do combustível. “Em Feira de Santana tem posto que chega a custa R$ 5,25 o litro da gasolina. Como a gente pode trabalhar com uma taxa mínima de 4,40, abaixo do valor do litro do combustível? É muito difícil poder trabalhar honestamente dessa forma no nosso país”, declarou o motorista, acrescentando que hoje uma média de 6 mil motoristas são associados aos aplicativos Uber e 99 em Feira de Santana.

OUTRAS NOTÍCIAS