Lula tem mais gastos no cartão corporativo que Bolsonaro, Dilma e Temer

Os gastos do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), com o cartão de crédito coorporativo já são bem maiores, se comparados as despesas dos últimos ex-presidentes. Lula gastou mais que Jair Bolsonaro (PL), Michel Temer e Dilma Rousseff.

Os dados do Portal da Transparência, que monitora o uso do Cartão de Pagamento do Governo Federal (CPGF) pela Secretaria de Administração da Presidência da República, revelam que, até julho, Lula gastou quase R$ 8 milhões.

Bolsonaro havia utilizado, nesse mesmo período, cerca de R$ 5,3 milhões, considerando a correção pelo IPCA (Inflação de Preços ao Consumidor Amplo). A ex-presidente Dilma Rousseff acumulou despesas no valor de R$ 4,9 milhões, enquanto seu sucessor, Michel Temer, gastou R$ 3,8 milhões. A informação foi divulgada pela Folha de São Paulo.

De acordo com o Palácio do Planalto, o aumento nos gastos de Lula está relacionado às suas viagens oficiais para cumprir agendas no exterior. No entanto, o detalhamento completo dessas despesas não é divulgado pela Controladoria-Geral da União (CGU), que classifica essas informações como “sigilosas”. Portanto, apenas o valor total das despesas é disponibilizado ao público. 

Folha do Estado

OUTRAS NOTÍCIAS