Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Dono da Havan admite possibilidade de concorrer ao Senado: “O presidente me pediu”

Dono da Havan admite possibilidade de concorrer ao Senado: “O presidente me pediu”

O dono da rede de lojas Havan, Luciano Hang, admitiu que cogita disputar uma vaga no Senado em 2022. Em entrevista ao UOL, o empresário bolsonarista diz que ainda está “pensando no assunto”, mas confirma que a sua candidatura foi um pedido do próprio presidente Jair Bolsonaro.

“Estou pensando no assunto. Tenho até os primeiros meses do ano de 2022. O presidente me pediu. Agora, tenho que escutar minha família, principalmente o povo catarinense”, disse Hang.

Em 2018, quando Bolsonaro foi eleito presidente, já teve uma conversa entre os dois sobre a possibilidade, mas não foi para frente.

Sobre compor uma possível chapa com o atual vice-presidente, Hamilton Mourão (PRTB), o “Véio da Havan”, como é conhecido nas redes sociais, despistou.

“Nunca pensei nisso nem em ser senador. Sou um empreendedor, gostaria de tocar minha empresa, mas senti que, se os brasileiros não fizerem nada, vamos viver nas mãos dos políticos profissionais que nunca tocaram nada na vida. Nunca assinaram uma carteira de trabalho, nunca viram a burocracia estatal”, salientou.

Um dos nomes que estariam por trás da sua entrada na política é o senador Jorginho Mello, pré-candidato ao governo de Santa Catarina, que inclusive viabilizaria a sua ida para o PL.

A sua candidatura também contaria com o apoio de diversos empresários catarinenses.

Informações; Agência Brasil

OUTRAS NOTÍCIAS