Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Vereadores da bancada governista trocam empurrões e situação vai parar na delegacia

Vereadores da bancada governista trocam empurrões e situação vai parar na delegacia

O clima esquentou na Câmara Municipal na manhã desta quarta-feira (23). Dois vereadores da base governista se estranharam e foi preciso a intervenção de colegas para não trocarem tapas em pleno Plenário da Casa. O bafafá foi parar na Delegacia.

Tudo transcorria bem na sessão, até que foi lido um requerimento onde o vereador Lulinha (União Brasil) solicitou melhorias para uma localidade no distrito de Governador João Durval (Ipuaçu), reduto do vereador Jurandy Carvalho (PL).

O estopim foi aceso e começou um ríspido bate-boca entre os dois vereadores. Houve empurrões e graças à intervenção de outros vereadores o Plenário não virou um ringue. Alegando ter sido vítima de agressão por parte de Jurandy Carvalho, Lulinha foi à Delegacia de Polícia Civil para prestar queixa. O caso, lamentável, promete desdobramentos.

Informações: O Protagonista

OUTRAS NOTÍCIAS