Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Suspeito de matar vigilantes em Feira e procurado pela justiça de Sergipe é preso pela Rondesp Leste

Suspeito de matar vigilantes em Feira e procurado pela justiça de Sergipe é preso pela Rondesp Leste

A equipe Rondesp Leste 05 prendeu um foragido da comarca de Cristinápolis (SE) durante ronda pelo bairro Rocinha, em Feira de Santana, na tarde desta terça-feira (26). Com a abordagem ao homem de iniciais L.N.S, a polícia também decobriu que ele é suspeito de envolvimento no assassinato de cinco vigilantes em condomínios de Feira.

Ainda de acordo com a polícia, no dia 11 deste mês, policiais civis de Sergipe e da Bahia efetuaram uma operação conjunta para cumprir vários mandados de prisão em Feira de Santana, mas L.N.S, não foi localizado.

O major Átila Brandão, comandante da Rondesp Leste informou que o suspeito já tinha sido abordado, mas como ainda não havia nenhuma informação de mandado de prisão no sistema, terminou liberado. Em nova abordagem foi preso e encaminhado para a delegacia. Ainda de acordo com o major, o preso é suspeito de vários assassinatos.

“A Polícia Civil de Feira tinha levantado atraves de apurações a possível, ou praticamente confirma a participação desse marginal naquela onda de mortes de vigilantes e foram expedidos mandados de prisão, inclusive o dele,pela comarca de uma cidade de Sergipe. A informação é que ele já estava aqui há algum tempo e inclusive já tinha sido abordado antes, por guarnições da Rondesp, mas quando foi feita a consulta não foi encontrado nenhum mandado de prisão em aberto, porque, as vezes, demora em chegar no sistema, mas foi conseguida pela policia civil a cópia do mandado da comarca da cidade dele e no dia de ontem foi constatado que realmente existia esse mandado. É um marginal de alta periculosidade, no momento não estava armado,não esboçou reação, e uma praxe nossa, quando a gente aborda um suspeito, quando identifica que ele é de outro estado é ver se tem algum mandado em aberto, e temos conseguido obter êxito nessas consultas”, disse o major.

O foragido foi apresentado na central de flagrantes do Complexo de Delegacias do bairro Sobradinho.

Informações de Jota Bezerra e imagem ilustração.

OUTRAS NOTÍCIAS