Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Secretário confirma instalação de túneis de desinfecção para evitar contaminação de profissionais da área de saúde

Secretário confirma instalação de túneis de desinfecção para evitar contaminação de profissionais da área de saúde

O secretário Fábio Vilas-Boas afirmou nesta segunda-feira (27) que serão instalados túneis de desinfecção para previnir a contaminação com o novo coronavírus de profissionais da área de saúde do estado. Em entrevista ao Jornal da Manhã, da Rede Bahia, Vilas-Boas confirmou que o governador Rui Costa ordenou a implantação dos túneis e também a contratação de sistemas de pulverização para higienizar os hospitais.

“O governador ordenou que fosse criados túneis de desinfecção, fossem implatados 50 túneis em 50 unidades em todo o estado da Bahia. Vamos contratar sistemas de pulverização com desinfectante, para passar nos hospitais uma, duas vezes por dia, tudo isso como parte do nosso esforço para reduzir a taxa de transmissão na área de saúde”, explica.

Com uma das maiores curvas de crescimento da Bahia, a cidade de Itabuna apresentou um alto índice de profissionais contaminados. O secretário de Saúde disse que após identificarem a médica que era o “caso zero”, testaram todos os funcionários do Hospital do Cacau e outras unidades do municípios. Muitos assintomáticos ou com sintomas leves deram positivo para a Covid-19 e, a partir daí, foi revista a escala de trabalho e adotadas medidas para evitar a “contaminação cruzada”.

” Fizemos o teste RT-PCR em todos os profissionais do Hosptial do Cacau, todos os hospitais base de Itabuna, e se verificou uma grande quantidade de profisiosnais assintomaticos ou com poucos sintomas. Eles foram retirados da escala e todo fluxo de atendimento de pacientes foi revisto, visando evitar contaminçãoes cruzadas […] volto a chamar atenção que isso não é uma situação isolada, eventual, está acontecendo e vai axontecer com hospital que nao fizer prevenção. O virus é altamente contagioso e o profissional de saúde precisa triplicar o cuidado”, alerta.

Desenvolvido pelo SENAI Cimatec, o primeiro túnel de desinfecção foi instalado no Hospital Espanhol, em Salvador. O custo para a produção da cabine é de cerca de R$ 10 mil. O equipamento dispara um jato com uma mistura de água com hipoclorito de sódio (composto químico encontrado na água sanitária) e atinge todo o uniforme do profissional de saúde, que podem ter contato com pacientes contaminados.

OUTRAS NOTÍCIAS