Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Recorde de homicídios em Feira Preocupa Colbert que almeja delegacia da PF no município

Recorde de homicídios em Feira Preocupa Colbert que almeja delegacia da PF no município

“Chocante a violência no Sul, com as mortes numa creche em Santa Catarina, e chocante também a violência em nossa terra: Feira bateu recorde de homicídios no ano, com 45 assassinatos em abril”. Lamentou o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, que está agendando uma audiência com o Ministro da Justiça para solicitar a implantação de uma delegacia da Polícia Federal no Município.

Há tempos que o prefeito vem colecionando uma série de reportagens mostrando a apreensão de drogas em Feira de Santana, para embasar a necessidade de uma delegacia da Polícia Federal. “O nosso município é muito propício para o tráfico, tendo em vista que é o maior entroncamento rodoviário do Nordeste e, portanto, merece uma atenção especial das autoridades federais”, argumentou.

“É muito triste assistir a morte de três crianças e dois adultos daquela forma em Santa Catarina, assim como é por demais lamentável esse volume de assassinatos em Feira, principalmente vitimando jovens dos mais variados bairros da cidade. E o que autoridades policiais sempre ressaltam é que a grande maioria das mortes está ligada ao narcotráfico”, destacou o prefeito.

“Quero prestar minha solidariedade às famílias da professora Keli Adriane Aniecevski, 30 anos; Mirla Amanda Renner Costa, 20 anos, agente educacional na escola; Sarah Luiza Mahle Sehn, 1 ano e 7 meses; Murilo Massing, 1 ano e 9 meses; e Anna Bela Fernandes de Barros, 1 ano e 8 meses, mortos na creche. Minha solidariedade também às famílias dos que diariamente são assassinados em Feira de Santana, vítimas de uma violência que não tem uma estratégia consistente de combate”, afirmou Colbert Martins.

Informações: Secom

OUTRAS NOTÍCIAS