Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Narrador é acusado de racismo contra jogador do Santos: “crioulinho”

Narrador é acusado de racismo contra jogador do Santos: “crioulinho”
 

O narrador da Rádio Grenal, Haroldo de Souza, está sendo acusado de racismo após se referiu ao atacante Lucas Braga, do Santos, como “crioulinho”, durante o empate por 3 a 3 com o Grêmio, nesta quarta-feira, em Porto Alegre.

Na ocasião, durante uma conversa com o repórter que acompanhava a partida, Haroldo questiona: “Aquele crioulinho que está lá na ponta esquerda do time do Santos, quem é ele?”. O repórter respondeu que era o Lucas Braga. E Haroldo de Souza segue: “Ah, o Lucas Braga que está caído lá. É o moreno, né? Moreno, cidadão de cor, numa boa”.

Depois da repercussão do caso, que pode ser enquadrado como crime de injúria racial, Haroldo se defendeu: “Sou filho de negro-nego Benê. Sou casado com uma mulher da raça negra. Fui criado em meio aos negros. Criei uma escola de samba com todos integrantes negros, só dois brancos e um sarará. Narrando futebol há 58 anos, muitas vezes disse: ‘Quem é aquele neguinho lá na ponta?’ ‘Quem é aquele alemão ali no meio’? ‘E esse polaco aí quem é?’ Peço desculpas se minha fala ofendeu alguém, mas estejam certos que não houve intenção de racismo e que minha vida pessoal e profissional são pautadas pelo respeito a toda sociedade, aos jogadores e torcedores que fazem desse esporte um grande espetáculo. Reitero minhas sinceras desculpas aos ouvintes que sempre nos acompanham e nos brindam com a sua audiência”, apontou.

Em nota, o Santos repudiou a fala e prometeu providências.

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

OUTRAS NOTÍCIAS