Mulher morre após beber dois litros de água em 20 minutos

Uma mulher, de 35 anos, morreu depois de ter ingerido quase dois litros de água em menos de 20 minutos, no estado norte-americano de Indiana.


A história foi revelada esta quinta-feira (3) pelo New York Post, que conta que Ahsley Summers aproveitou o fim de semana do 4 de Julho para ir com o marido e os dois filhos até ao Lago Freeman.

Sentindo-se desidratada, e dadas as temperaturas, que rondavam os 30º C, segundo as publicações norte-americana, a mulher começou a beber água.

“Alguém disse que ela bebeu quatro garrafas de água em 20 minutos”, contou à imprensa norte-americana o irmão da vítima, Devon Miller. O familiar destacou que essa é a quantidade que se deve ingerir durante um dia – e que esta o terá feito numa questão de minutos.

Segundo relato, pouco tempo depois, a mulher começou a sentir tonturas e dor de cabeça e, quando chegou em casa, desmaiou. Apesar de ainda ter sido levada para o hospital, a mulher não resistiu e acabou morrendo.

A família teria ficado em choque ao ser informada de que a morte aconteceu por uma intoxicação com água. A intoxicação com este líquido acontece quando o mesmo é consumido de forma excessiva num curto espaço de tempo, algo que acaba por interferir no equilíbrio do corpo, resultando, por exemplo, em baixos níveis de sódio no sangue.

Os sintomas podem incluir mal-estar, cãibras, dor, náuseas, tonturas e dor de cabeça. Também no mesmo mês, nos EUA, um rapaz de dez anos foi hospitalizado pelo mesmo motivo, não tendo, no entanto, morrido.

O jovem começou a ter vômitos e a perder funções motoras depois de ter bebido seis garrafas de água numa hora. Os pais contam que o seu comportamento parecia o de uma pessoa que estaria sob o efeito de drogas. 

Folha do Estado

 

OUTRAS NOTÍCIAS