Carlos Geilson mantem mandato após parecer do TSE contrário a liminar que reivindicava votos de Targino Machado

Carlos Geilson mantem mandato após parecer do TSE contrário a liminar que reivindicava votos de Targino Machado

A informação é que o mandado de segurança com pedido de liminar impetrado no TSE, em que o Democratas pedia os votos do deputado estadual cassado Targino Machado para o partido não teve sucesso.

Resta esperar o julgamento do mérito. Com essa posição, Carlos Geilson permanece no mandato, mas na condição de suplente.

Informações Bahia na Política

OUTRAS NOTÍCIAS