Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Brasil não é convidado para reunião do G7 pelo 3º ano seguido

Brasil não é convidado para reunião do G7 pelo 3º ano seguido

BERLIM, 2 MAI (ANSA) – A Alemanha anunciou nesta segunda-feira (2) a lista de países convidados para a reunião dos líderes do G7 e, pelo terceiro ano seguido, o Brasil ficou de fora do encontro. Para os debates que serão realizados entre os dias 26 e 28 de junho, no Castelo de Schloss Elmau, em Garmisch-Partenkirchen, foram convidados os governos da África do Sul, Índia, Indonésia e Senegal, informou o porta-voz de Berlim, Steffen Hebestreit.

O G7 é formado por, além dos alemães, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido e deverá ter como principal pauta as questões que envolvem a guerra iniciada pela Rússia na Ucrânia. Todos os membros aplicam sanções duras contra Moscou e ajudam o governo de Kiev financeira e militarmente.

As três reuniões anteriores em que o Brasil foi ignorado tinham como anfitriões a França, em 2019, os Estados Unidos, em 2020, e o Reino Unido, em 2021. Com isso, caso não seja reeleito, o presidente Jair Bolsonaro ficará de fora de todos os encontros do tipo, um dos principais do mundo em termos políticos, de seu mandato atual. (ANSA).

OUTRAS NOTÍCIAS