Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Bellintani revela concorrência por Gilberto, mas diz que não fará “esforço além da realidade”

Bellintani revela concorrência por Gilberto, mas diz que não fará “esforço além da realidade”

Com contrato até o final da temporada, Gilberto virou uma das prioridades do Bahia. O clube não esconde o desejo de renovar o contrato do artilheiro.

Mas, o Tricolor não terá tarefa fácil para manter o atacante. Aos 31 anos, Gilberto também é cobiçado por outros clubes da Série A.

O próprio presidente Guilherme Bellintani admitiu que o Esquadrão tem concorrência para ficar com o jogador. O dirigente, ao comentar a disputa, ainda revelou que não fará proposta fora da realidade financeira do Bahia para não perder seu homem gol.

“Preciso ser muito presidente e menos torcedor. É difícil. Assim como não empolgo demais para fazer renovação irresponsáveis financeiramente, não deixo de lado quando o jogador está em uma fase menos empolgante. A gente tem conversado com empresário, com Gilberto. Há naturalmente disputa de outros clubes para 2022. Estamos conversando, mas sabendo da dificuldade financeira que é quando outros clubes entram na disputa. Não vamos fazer esforço além da nossa realidade, mas reconhecendo o esforço do atleta. Ele constitui história no Bahia para a gente querer que ele fique com mais tempo com responsabilidade financeira”, disse em entrevista à Rádio Salvador FM.

Mas, não é só Gilberto que o Bahia tem interesse. O mandatário confirmou a busca por mais reforços para a sequência da temporada.

“Entendia que a reformulação seria em duas etapas. Uma no começa da temporada e outra mais no meio do ano. O primeiro ciclo foi mais intenso. Tinha falado que a gente faria seis ou sete contratações. A gente trouxe muito mais. Eu decidi antecipar ainda mais a restruturação do elenco. A gente conseguiu reforçar muito a defesa, temos meio-campo diferente e ainda continua buscando reforços. Não vou citar posições porque depende do comportamento e disponibilidade do mercado. Já vi muita gente reclamar da lateral direita, vi muita gente reclamando que a gente renovou com Nino. A gente, hoje, tem um goleiro e primeiro volante originários da nossa base. Futebol é muito dinâmico. Diria que estamos procurando vários setores, principalmente três setores”, completou.

Informações: Galáticos Online

OUTRAS NOTÍCIAS