Viúva de mergulhador morto em caverna da Tailândia presta homenagem: “sempre estará comigo”

Paulão 11 de julho de 2018 | 2:27 pm

valeepoan-kunan-ii

A viúva do mergulhador que morreu ao ficar sem oxigênio na operação de resgate na caverna inundada na Tailândia presta homenagem a ele em sua conta no Instagram.

Saman, de 38 anos, morreu após levar oxigênio e suprimentos para o grupo de 12 meninos e seu treinador de futebol que estavam presos na caverna. A morte do mergulhador mostrou o caráter complexo da operação de resgate e foi lembrada por líderes internacionais nesta terça, quando a operação de resgate dos meninos foi concluída.

Kunan era ex-integrante do grupo de elite da Marinha da Tailândia, triatleta e tinha se voluntariado a participar da operação de resgate. Foi descrito por um casal de amigos brasileiros como “um cara que realmente pensava no próximo”.

Segundo o jornal tailandês “Khaosod” seu corpo será cremado no próximo sábado na província de Roi Et.

Diretor Presidente: Josse Paulo Pereira Barbosa
Departamento Jurídico: Dr. Fernando Oliveira | Dr. Alberto Dalton Coelho
Diretor de Sede: Alex Neves Barbosa
Diretor Administrativo: Paulo Jadson de Oliveira Barbosa
Jornalista:Rebeca Rios
Fone: 75 3021.1910 | Celular: 8835.3367 - 8110.3577


E-mail: programalivredopaulao@gmail.com