Furacão Florence toca o solo na Carolina do Norte, nos EUA

Paulão 14 de setembro de 2018 | 9:24 am

wilmington

O olho do furacão Florence tocou o território americano no estado da Carolina do Norte na manhã desta sexta-feira (14), perto de Wrightsville Beach com ventos de até 150 km/h. Apesar de chegar rebaixado à categoria 1, ele deve provocar “enchentes catastróficas” e trazer as tempestades mais fortes a atingir a região em três décadas, segundo autoridades.

Cinco estados declararam estado de emergência: Carolina do Norte, Carolina do Sul, Geórgia, Maryland e Virgínia, além da capital, Washington. Às 6h locais (7h, pelo horário de Brasília), pouco antes da chegada do olho do Florence, a Carolina do Norte tinha mais 321 mil endereços com falta de luz.

As autoridades dos Estados Unidos pediram que cerca de 1,7 milhão de pessoas deixassem suas casas na costa da Carolina do Norte, Carolina do Sul e Virgínia. Muitos moradores locais prepararam as suas casas e estabelecimentos comerciais para a chegada da tempestade, saíram para partes mais altas dos estados e buscaram proteção em abrigos fornecidos pelo governo.

Por que o furacão Florence é ‘assombroso’ e ‘extremamente perigoso’

As cidades da costa estão praticamente desertas e tomadas por chuva, inundação e fortes ventos. Estima-se que as chuvas somarão quase um metro agora que o furacão chegou ao continente. Brandon Locklear, do Serviço Nacional de Meteorologia, previu que vai ocorrer o equivalente a oito meses de chuva em dois ou três dias.

Diretor Presidente: Josse Paulo Pereira Barbosa
Departamento Jurídico: Dr. Fernando Oliveira | Dr. Alberto Dalton Coelho
Diretor de Sede: Alex Neves Barbosa
Diretor Administrativo: Paulo Jadson de Oliveira Barbosa
Jornalista:Rebeca Rios
Fone: 75 3021.1910 | Celular: 8835.3367 - 8110.3577


E-mail: programalivredopaulao@gmail.com