Vendedor ambulante é morto a tiros no Centro de Abastecimento

5617-3


5617-3

O vendedor ambulante Edval Candeal Dias, 45 anos, foi assassinado a tiros no início da tarde desta segunda-feira (20/01), nas proximidades do galpão de carnes do Centro de Abastecimento de Feira de Santana.

Segundo informações, o homem passava pela área do estacionamento quando foi surpreendido por um desconhecido que se aproximou e atirou nas costas da vítima. Edval tentou fugir, mas foi alcançado na entrada do galpão e recebeu mais três tiros.

Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), sob o comando da delegada Ana Cristina, esteve no local para colher informações e efetuar o levantamento. Existe uma câmera de segurança próxima ao local onde ocorreu o homicídio, mas não há informação se está funcionando.

O corpo foi recolhido ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), para ser necropsiado. A vítima morava na rua Primavera, bairro Sobradinho. Esse foi o 20º homicídio registrado no mês de janeiro.

Acusado de duplo homicídio está custodiado no Hospital Geral Clériston Andrade 

FOTO DO ACUSADO DO DUPLO HOMICIDIO .

Uilian da Silva Santos, 23 anos, está custodiado no Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA). Ele é acusado de ter cometido o duplo homicídio no distrito de Maria Quitéria, onde morreram Carlos Siqueira Ferreira, 37 anos e Anderson Marciel Ferreira, 22, na tarde de domingo (19/01).

Segundo a delegada Dorean Soares, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Uilian e Anderson são primos e havia uma rixa antiga entre eles, sendo que o acusado já tinha tentado matar o parente em 2012.

“Ele confessou o duplo homicídio e informou que já havia tentado matar Anderson. Existe uma rixa antiga, que começou, segundo o Uilian, com um mal entendido. Ele achou que Anderson iria matá-lo, então ele tentou matar Anderson primeiro, mas não conseguiu e acabou matando outra pessoa identificada como Luciano do Nascimento Silva. Em junho de 2013, Uilian matou mais uma pessoa, de prenome Rodrigo, por achar que como andava na companhia de Anderson, estava armando contra ele”, relatou Dorean Soares.

A delegada informou ainda que Uilian contou no hospital que revidou o ataque de Anderson, que também estava armado e deflagrou tiros contra ele. Mesmo baleado, sacou uma arma e atirou nos dois homens que estavam em uma motocicleta. A delegada acrescentou que Uilian foi socorrido por familiares, alegando que tinha sofrido um acidente e após passar pela policlínica do Parque Ipê foi transferido para o HGCA, onde contou outra versão. “Disse que foi vítima de assalto e forneceu o nome falso de André Santos”, completou a delegada.

Após receber alta do HGCA, Uilian será encaminhado ao Conjunto Penal de Feira de Santana.

Informações do blog Central de polícia.

OUTRAS NOTÍCIAS