Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Um mês após deixar secretaria, Regina Duarte segue sem o cargo prometido por Bolsonaro

Um mês após deixar secretaria, Regina Duarte segue sem o cargo prometido por Bolsonaro

Um mês de exonerada da secretaria de Cultura,  atriz Regina Duarte segue sem o cargo prometido por Jair Bolsonaro na direção da Cinemateca Brasileira, em São Paulo.

No vídeo publicado na época para anunciar a sua saída, com a justificativa de que precisava ficar mais perto da família, Regina faz o anúncio ao lado do presidente, que assegura a sua nomeação para o cargo na Cinemateca.

O cargo que Regina ocuparia não existe e a manobra para nomeá-la pode custar R$ 15 mil a mais aos cofres do São Paulo.

Recentemente, o órgão enviou uma carta ao presidente da República pedindo que não fosse extinto, em referência aos seguidos cortes de verba que inviabilizam a manutenção da pasta.

OUTRAS NOTÍCIAS