Trio é preso suspeito de participação no assassinato de jovem brasileiro na Espanha

Três suspeitos foram presos, na manhã desta terça-feira (6), acusados de terem participado do assassinato do jovem brasileiro, Samuel Luiz Muñiz, de 24 anos, que morreu espancado na porta de uma boate em La Coruña, na Galícia. A vítima era um auxiliar de enfermagem de 24 anos nascido no Brasil e que chegou à Espanha com um ano de idade.

De acordo com o jornal “La Voz de Galicia”, a polícia prendeu dois homens e uma mulher, com idades entre 20 e 25 anos. As autoridades locais não disseram qual o grau de participação desse trio no espancamento de Samuel, nem deram mais detalhes sobre os suspeitos. Outras pessoas ainda podem ser presas, já que a investigação ainda está em andamento.

Vale lembrar que há suspeitas de que a motivação do crime tenha sido homofobia.

Informações; Agência Brasil

OUTRAS NOTÍCIAS