TRE proíbe Beto Carrero World de realizar propagandas de cunho eleitoral, sob pena de multa de R$ 100 mil

beto-carrero-fachada-848x477

Após a repercussão do promoção oferecida pelo parque Beto Carrero World a eleitores petistas no domingo de eleição (30), O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina julgou a estratégia como uma “nítida tentativa de afastar o eleitor do processo eleitoral, assim incentivando a abstenção”.

O parque publicou em seu perfil no Instagram uma promoção exclusiva para quem fosse vestido de vermelho no domingo. O anúncio seria oferecido um desconto de 25% no valor do ingresso, mas precisaria ficar no parte das 8h às 17h, horário de votação. 

Imagem: Reprodução/Instagram

O TRE-SC julgou uma ação protocolada pelo PSOL. O juiz Sebastião Muniz decidiu que o parque está proibido de realizar propagandas de cunho eleitoral, sob pena de multa de R$ 100 mil por publicação. Além disso, o Beto Carrero World deverá retirar qualquer propaganda eleitoral ou partidária que esteja exposta em suas redes sociais ou em seu site.

“O objetivo da presente representação, portanto, não é só a retirada das propagandas em questão, mas também a imediata suspensão de toda e qualquer promoção ou benefício que vise o eleitor a eventual abstenção eleitoral ou que crie qualquer tipo de distinção de eleitores de um candidato ao de outro candidato”, determinou o juiz.

Fonte: Metro1

OUTRAS NOTÍCIAS