Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Título de Eleitor agora pode ser impresso em casa; Saiba como

Título de Eleitor agora pode ser impresso em casa; Saiba como

A partir de agora, os eleitores de todo o Brasil poderão realizar a impressão da primeira e segunda via do título eleitoral em suas próprias residências. De acordo com o chefe da 156ª zona eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral em Feira de Santana, Danilo Pereira, o serviço já está disponível desde a última sexta-feira (18).

Confira aqui: 

“A novidade é que o TSE acabou de colocar no ar essa possibilidade, e o eleitor pode fazer o seu pedido da primeira via do título eleitoral pela internet, e assim que for processado no sistema, ele vai imprimir em casa, igual o documento que é entregue no atendimento presencial. Essa função é também para quem já tem o título e deseja retirar a segunda via, quem perdeu, ou seja, qualquer pessoa pode imprimir”, informou Danilo Pereira ao Acorda Cidade.

Segundo ele, o eleitor pode fazer tudo pela internet, como solicitar primeira via de título, mudança de domicílio, alteração de nome, entre outros, e todos os serviços estão disponíveis no site do www.TSE.jus.br/eleitor, na aba autoatendimento onde tem todas as opções.

“O serviço já está disponível. O TSE vinha trabalhando nisso desde o final do ano para colocar no ar. A gente já vinha testando desde o último dia 16 e desde o dia 18 já está ativo. O eleitor não precisa mais sair de sua casa, pegar filas, e esse ano é de eleição. E a gente não precisa ter tantos atendentes, e a gente pode se dedicar a outras tarefas. No ano que não tem eleição, nós fazemos títulos o ano inteiro. Já em ano de eleição fazemos até 150 dias antes da eleição o cadastro eleitoral é fechado, que este ano é 4 de maio”, destacou.

Para solicitar a primeira via do título pela internet, é preciso apresentar o documento de identidade com foto, comprovante de residência, uma selfie segurando o documento, e se for homem maior de 18 anos precisa comprovar que está quite com o serviço militar.

Informações: AC

OUTRAS NOTÍCIAS