Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Solange Almeida revela sofrer de síndrome do pânico e diz que por pouco não abandonou a carreira; assista

Solange Almeida revela sofrer de síndrome do pânico e diz que por pouco não abandonou a carreira; assista

Na última quarta-feira (6), Walkyria Santos retornou aos palcos dois meses após a morte do filho, que tirou a própria vida por causa de ataques de haters na internet. A volta da forrozeira foi marcada pela gravação de um DVD, em Natal, no Rio Grande do Norte, que contou com a participação de diversos artistas, entre eles Solange Almeida.

No entanto, além do dueto, uma declaração da cantora baiana chamou atenção de quem estava presente no local. “É até uma coisa assim, difícil de falar, mas eu já tinha colocado na minha cabeça que eu não iria mais voltar a cantar e que iria encerrar minha carreira. Mas todo mundo pediu pra voltar e Walkyria fez o convite… Nem tudo que você vêem na rede social é, porque, às vezes, a gente mostra uma coisa na internet, às vezes com uma alegria que a gente não está”, disse a forrozeira.

Diante da repercussão da declaração, a cantora que está prestes a fazer uma turnê internacional no final do ano decidiu tranquilizar seus fãs e utilizou os stories do seu perfil oficial do Instagram para explicar. Ela admitiu  que a quarentena a fez desenvolver crises de ansiedade e de pânico, mas que está tendo acompanhamento médico e descartou qualquer possibilidade de abandonar os palcos.

“Já passou. Eu estou tendo acompanhamento, estou fazendo tratamento porque eu estava tendo crises de ansiedade, estava com síndrome do pânico, até para sair de casa e pegar no celular era difícil, e graças a Deus, graças a minha fé, estou tendo o carinho dos meus amigos, o cuidado da minha família, a paciência dos fãs, e me aguarde em 2022 que a dona vem com tudo”.

Informações: Bnews

OUTRAS NOTÍCIAS