Sobrinho-neto de Marina Silva é assassinado a tiros no Acre

ministra_marina_silva-foto-lula-marques-agencia-brasil

Um sobrinho-neto da ministra Marina Silva (Meio Ambiente e Mudança Climática) foi assassinado na tarde desta terça-feira (6) em Rio Branco, no Acre, por dois homens que invadiram a casa dele no bairro Taquari. Cauã Nascimento Silva, 19, estava no quarto quando foi atingido por ao menos três tiros. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

No fim da noite, a ministra lamentou a violência em publicação nas redes sociais. “Com imenso pesar e dor recebo a notícia de que meu sobrinho-neto Cauã Nascimento Silva, de 19 anos, foi assassinado”, escreveu.

Marina disse que ele foi vítima da criminalidade que destrói vidas de jovens em bairros periféricos do país. “Que Deus sustente e console nossa família”, concluiu.

A ministra recebeu a solidariedade do senador Randolfe Rodrigues (Rede Sustentabilidade-AP) e das deputadas federais Sâmia Bomfim (PSOL-SP) e Benedita da Silva (PT-RJ).

A DHPP (Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa) do Acre vai investigar o caso. Segundo testemunhas, os homens que atiraram em Cauã fugiram em uma moto.

Há uma semana o delegado-geral da Polícia Civil do Acre, Henrique Maciel, e o diretor do Departamento de Polícia da Capital e do Interior, Pedro Paulo Buzolin, reuniram-se com uma equipe da Polícia Judiciária da Força Nacional para discutir o fortalecimento da DHPP na repressão aos homicídios em Rio Branco.

Bahia.ba 

OUTRAS NOTÍCIAS