Sete novos presídios serão construídos na Bahia afim de solucionar problema de super lotação

20110729RM

20110729RM

O Governo Estadual anunciou  a criação de sete novos presídios na Bahia e a ampliação de outros quatro, gerando espaço para mais 3 822 pessoas. Com as novas construções, a Bahia não terá mais déficit de vagas nos presídios.

De acordo com dados do governo, atualmente o estado oferece 9 mil vagas para uma população prisional de 12,3 mil pessoas. Com os novos espaços, além do déficit ser sanado, 522 vagas ficarão disponíveis, e devem ser destinadas a presos em delegacias.

Segundo o governador Jaques Wagner, os municípios beneficiados são Salvador, Itabuna, Vitória da Conquista, Barreiras, Irecê, Brumado, Paulo Afonso e Juazeiro. “Poderemos tirar os presos das delegacias para que os agentes e delegados fiquem liberados para desenvolver suas funções, que é investigação de crimes e não ficar custodiando presos”, ressalta

Serão investidos R$ 150,9 milhões, de acordo com o contrato assinado por Wagner nesta sexta. Ainda segundo o governador, com as obras, 6 892 novas vagas terão sido criadas nos presídios baianos desde 2007: “Com esta assinatura, nós vamos dobrar o número de vagas que nos tínhamos em 2007, um avanço significativo”.

OUTRAS NOTÍCIAS