Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

“Sem coligações, partidos devem se unir para as próximas eleições”; diz Deputado Carlos Geilson

“Sem coligações, partidos devem se unir para as próximas eleições”; diz Deputado Carlos Geilson

A fusão entre o DEM e PSL deve abrir novos caminhos para as eleições de 2022. Em sua live, nesta quarta-feira, o deputado estadual Carlos Geilson (PSDB) avaliou a decisão desses dois partidos de formarem uma nova sigla, o União Brasil.

“A decisão de fundir os dois partidos foi confirmada pelas legendas após convenções partidárias, no último dia 6, em Brasília. Foi muito importante essa decisão, levando em consideração o próximo enfrentamento eleitoral”, disse o deputado.

Carlos Geilson revelou durante sua live especulação em torno de uma aproximação envolvendo os partidos PL e PP. “Os partidos médios e pequenos estão conversando. Soube ainda que o PC do B também estaria buscando aproximação ao PT, numa possível formação de federação partidária”, contou.

O União Brasil  – formado a partir da fusão DEM e PSL – vai usar o número 44. O PSL tem, atualmente, a maior bancada da Câmara, com 54 deputados. No Senado, o partido tem dois representantes. Já o Democratas tem 28 deputados, a 11ª maior bancada. No Senado, o partido tem seis representantes, além do presidente da Casa e do Congresso, Rodrigo Pacheco, de Minas Gerais.

Informações; Ascom

OUTRAS NOTÍCIAS