SBT tira ‘Casos de Família’ do ar após 18 anos

casos-de-familia-capa

O SBT resolveu tirar o programa “Casos de Família” do ar após 18 anos na grade da emissora. Foi compartilhado um comunicado oficial com a imprensa, nesta terça-feira (23), anunciando o cancelamento da produção, mas confirmando que Christina Rocha permanecerá entre os contratados do canal de Silvio Santos. No entanto, o futuro da apresentadora ainda é incerto.

“A Assessoria de Comunicação informa que o SBT irá suspender as gravações do programa ‘Casos de Família’ a partir desta semana. A emissora informa que o programa poderá voltar em 2023, com nova temporada e novas histórias. No horário da atração serão exibidas novelas. ‘Casos de Família’ ficará no ar até 7 de setembro“, diz o comunicado enviado à imprensa.

O “Casos de Família” estreou em 2004 no SBT, baseado em programa venezuelano de mesmo formato. Em resumo, o programa debatia conflitos familiares e no final os participantes recebiam conselhos de uma psicóloga. Aqui no Brasil, Anahy D’Amico foi quem ficou responsável pelas dicas.

Regina Volpato foi responsável por apresentar o “Casos de Família” entre 2004 e 2009. Atualmente a apresentadora está no comando do programa “Mulheres“, da Gazeta. Coma saída de Volpato, Christina Rocha foi responsável por assumir o seu lugar e desde então se manteve como apresentadora da atração. Porém, o SBT não revelou o que ela fará a partir de agora no canal.

De acordo com os rumores, apesar de já ter atingido bons números de audiência, o público do SBT não tem mais consumido muito o programa, que tem atingido uma média entre 3 e 4 pontos. Ou seja, bem abaixo do esperado. No entanto, como a própria emissora confirmou, o programa ainda pode voltar.

Fonte: Popline

 

OUTRAS NOTÍCIAS