Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

“Salvamos mais de 3 mil vidas com trabalho dos profissionais de Saúde”, diz Prates

“Salvamos mais de 3 mil vidas com trabalho dos profissionais de Saúde”, diz Prates

O secretário de Saúde de Salvador, Léo Prates, estima que mais de 3,3 mil vidas foram salvas na capital baiana, a partir do trabalho dos profissionais da área em meio à pandemia do novo coronavírus. A informação foi compartilhada por Prates durante entrevista a José Eduardo, na Rádio Metrópole, nesta segunda-feira (10).

“Salvamos apenas com trabalho eficiente dos profissionais mais de 3,3 mil vidas. É agradecer o trabalho em conjunto de todos os colaboradores e também à parceria com o governo estadual. A regulação tem funcionado com excelência para o coronavírus. Tem sido praticamente online. É impressionante o nível de eficiência e harmonia ao qual chegamos”, afirmou Prates. Segundo ele, a capital baiana amanheceu com apenas um paciente covid-19 para ser regulado. A taxa de ocupação de leitos de UTI chegou ao patamar de 55%.

O titular da Saúde atribui o resultado ao cumprimento dos protocolos gerais e específicos determinados pela prefeitura para cada segmento. “Temos de reconhecer que tivemos pouquíssimas interdições no comércio. A maior parte segue à risca os protocolos e o impacto epidemiológico é praticamente nulo. Graças, também, ao compromisso das pessoas também que entenderam a nossa mensagem. A fase dois só volta a fechar caso a taxa suba para 75%. A gente abre a segunda fase com folga considerável no sistema de saúde”, definiu.

OUTRAS NOTÍCIAS