Ryan Reynolds anuncia que Hugh Jackman voltará como Wolverine no próximo filme de ‘Deadpool’

wolverinedeadpool3

O ator Ryan Reynolds anunciou nesta terça-feira (27) que Hugh Jackman vai repetir seu papel como Wolverine no próximo filme “Deadpool”, previsto para estrear em 6 de setembro de 2024.

“Olá a todos, estamos extremamente tristes por termos perdido o D23 [evento da Disney], mas estamos trabalhando muito duro no próximo filme de ‘Deadpool’ há um bom tempo”, disse Reynolds em um vídeo postado no Instagram, se referindo à convenção da Disney que aconteceu no início deste mês.

O ator acrescentou que ele queria fazer a primeira aparição de Deadpool no Universo Cinematográfico da Marvel (já que este é o primeiro filme “Deadpool” a ser produzido após a compra da 20th Century Fox pela Disney) “especial”, Reynolds disse que procurou “manter-se fiel ao personagem, encontrar uma nova motivação e significado.”

“Todo ‘Deadpool’ precisa se destacar. Tem sido um desafio incrível que me forçou a me aprofundar E eu… não tenho nada,” ele brincou. “Sim, completamente vazio aqui. E aterrorizante. Mas nós tivemos uma ideia.”

Em seguida, no vídeo publicado por Ryan Reynolds, entra Jackman – ou um dublê – com quem Reynolds fala enquanto caminha ao fundo.

“Ei, Hugh, você quer interpretar Wolverine mais uma vez?” Reynolds pergunta.

“Sim, claro, Ryan,” Jackman responde com indiferença.

Deadpool foi introduzido em “X-Men Origins: Wolverine” em 2009, mas totalmente diferente da versão inteligente dos filmes independentes.

Wolverine morreu no filme “Logan”, então a aparição de Jackman exigirá algum trabalho no estilo “vamos ignorar muita história”, mas é provável que eles se divirtam com isso – assim como claramente fizeram no logotipo de encerramento no final do vídeo de Reynold.

Jackman e Reynolds tiveram uma “crise” que incluiu brincadeiras provocando um ao outro nas mídias sociais.

A parceria da dupla marcará o terceiro filme da franquia de grande sucesso “Deadpool”, que incluiu dois filmes lançados em 2016 e 2018.

Fonte: CNN

OUTRAS NOTÍCIAS