Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Rui Costa sobrevoa áreas atingidas por rompimento de barragem

Rui Costa sobrevoa áreas atingidas por rompimento de barragem

O governador Rui Costa voltou a visitar, neste domingo, 14, os municípios de Pedro Alexandre e Coronel João Sá, atingidos pelo rompimento da Barragem do Quati na última quinta-feira, 11. Cerca de 400 famílias ficaram desabrigadas e 1.500 desalojadas.

Rui Costa sobrevoou a região em um helicóptero para monitorar a situação nas regiões e definir as medidas a serem adotadas. Ele estava acompanhado por técnicos da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros Militar.

A próxima ação, segundo a Secretaria de Comunicação do estado (Secom), será apoiar a reestruturação das duas cidades. No entanto, trabalhos preventivos já estão sendo realizados para evitar que novos problemas ocorram, já que, conforme o governador, os municípios possuem outros equipamentos como o que se rompeu.

“Alguns chamam de barreiros, outros de passagem d’água. São pequenos pontos de água acumulada, na grande maioria das vezes, construídos e administrados pelos próprios moradores e associações de produtores dos municípios. O governo do estado está trabalhando para ajudar a garantir a segurança dessas outras barragens do entorno. Além disso, queremos oferecer capacitação para os moradores que administram essas barragens na região, para que eles possam gerir os equipamentos de forma adequada”, disse Rui.

A Barragem do Quati se rompeu na manhã da última quinta no município de Pedro Alexandre, localizado a 448 km de Salvador. A causa, segundo a Defesa Civil, foi o transbordamento de uma barragem menor, acima da barragem atingida, que acabou se rompendo.

A água, que se misturou com a lama da chuva, atingiu o município de Coronel João Sá, que fica a 33 km de Pedro Alexandre, por volta das 15h30.

A BR-235, estrada que fica próxima da barragem, também foi atingida pela lama, deixando as vias intransitáveis e dificultando o acesso das equipes de assistência ao local.

A Tarde/CdP

Foto: Divulgação

OUTRAS NOTÍCIAS