Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Rodrigo Pacheco: “Jamais seremos subservientes ao governo federal”

Rodrigo Pacheco: “Jamais seremos subservientes ao governo federal”

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse, nesta segunda-feira (20), que o Congresso jamais será subserviente ao governo federal. A fala aparece poucos dias após o senador devolver a Medida Provisória (MP) que limitava remoção de conteúdo nas redes sociais. As informações são do site O Antagonista.

“Jamais seremos subservientes ao governo federal, ou estaremos subjugados ao Judiciário. A cooperação é fundamental. Ter a humildade de ouvir sem submissão e ter a coragem de mudar sem arrogância”, afirmou Pacheco.

Durante o evento, o presidente do Senado também disse os partidos devem cooperar para enfrentar os problemas do país e deixar para 2022, ano eleitoral, o que chamou de “competição entre os políticos”. Pacheco é pré-candidato à Presidência da República. Ele deve trocar o DEM pelo PSD.

Remoção de conteúdo

Após sofrer derrota e não conseguir manter a validade da MP, rejeitada por Rodrigo Pacheco, Bolsonaro decidiu enviar ao Congresso proposta que segue a mesma linha. Agora, no entanto, o texto foi apresentado em formato de projeto de lei, que não tem efeito imediato e só passa a valer se for aprovado pelos deputados e senadores.

Segundo o governo, o projeto tem o objetivo de garantir direitos dos brasileiros nas redes. “As provedoras das plataformas terão de apresentar justa causa para excluir e remover conteúdos e usuários”, disse.

Informações: Extra

OUTRAS NOTÍCIAS