Randolfe pede que Senado apure reuniões de Bolsonaro e Lindôra

29042021-RF-_-CPI-da-Covid-_-CPI-da-Pandemia-_-Senador-Randolfe-Rodrigues_-016-600x400

Líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues, da Rede, pedirá nesta sexta-feira (29/7) que a Casa apure os encontros entre Jair Bolsonaro e Lindôra Araújo, vice-procuradora-geral da República. A agenda de encontros secretos entre Bolsonaro e Lindôra, a quem o presidente já prometeu a PGR, foi mostrada pela coluna na quinta-feira (28/7).

“Vamos pedir informações sobre essas agendas através da Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle (CTFC) do Senado”, afirmou Randolfe.

Desde 2020, Jair Bolsonaro mantém encontros secretos com Lindôra Araújo, a quem prometeu, em caso de reeleição, indicação para conduzir a Procuradoria-Geral da República.

Nesta semana, Lindôra pediu ao STF o arquivamento de sete das 10 apurações preliminares que têm como alvo Bolsonaro, ministros, ex-ministros e o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, por possíveis crimes cometidos na condução da pandemia. As investigações começaram com base no relatório final da CPI da Pandemia, que no ano passado defendeu o indiciamento do alto escalão do governo Bolsonaro.

OUTRAS NOTÍCIAS