Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Questionadas, urnas eletrônicas passarão por últimos testes em maio

Questionadas, urnas eletrônicas passarão por últimos testes em maio

Apesar de o presidente Jair Bolsonaro (PL) defender a necessidade de implementar as sugestões apresentadas pelas Forças Armadas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para ampliar a confiabilidade do processo eletrônico de votação, o TSE segue o cronograma das eleições e fará últimos testes em urnas eletrônicas.

De 11 a 13 de maio será feito o Teste de Confirmação. No evento, os investigadores que participaram do TPS, realizado de 22 a 27 de novembro de 2021, voltam ao TSE para conferir se as soluções aplicadas pela equipe técnica foram suficientes para aperfeiçoar os pontos encontrados anteriormente.
Em 30 de maio, a Corte Eleitoral publicará toda a documentação e as conclusões produzidas pela Comissão Avaliadora do TPS 2021.

Em 12 de setembro, termina o prazo para que os sistemas eleitorais e programas de verificação desenvolvidos pelas entidades fiscalizadoras sejam lacrados, mediante apresentação, compilação, assinatura digital e guarda das mídias pelo TSE em Cerimônia de Assinatura Digital e Lacração dos Sistemas.

Sobre as declarações e sugestões de Bolsonaro, o presidente da Justiça Eleitoral, ministro Edson Fachin, declarou que as mudanças consideradas indispensáveis já foram realizadas e que as urnas são seguras. “O voto é secreto, e o processo eletrônico de votação, conquanto sempre suscetível de aprimoramentos, é reconhecidamente seguro, transparente e auditável”, frisou.

OUTRAS NOTÍCIAS