Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Quem vai para o Céu?

Quem vai para o Céu?

Ao Senhor, o seu Deus, pertencem os céus e até os mais altos céus, a terra e tudo o que nela existe. Deuteronômio 10:14

Quem você acha que vai para o céu? Os ricos ou os pobres? Os bonitos ou os feios? Os felizes ou os infelizes? Podemos ter opiniões variadas, mas a Bíblia responde a essa pergunta com clareza. O Salmo 15 diz: “Aquele que é íntegro em sua conduta e pratica o que é justo, que de coração fala a verdade e não usa a língua para difamar, que nenhum mal faz ao seu semelhante e não lança calúnia contra o seu próximo” (Sl 15:2, 3).

A seleção de Deus nada tem a ver com riqueza, pobreza, aparência exterior ou estado emocional. O critério de seleção que usamos em nosso mundo é bem diferente: para ser merecedor é preciso competir, ter mais e ser melhor do que o outro. Essa ordem é absolutamente oposta à do Reino dos céus: “Se alguém quiser ser o primeiro, será o último, e servo de todos” (Mc 9:35). “Quem se faz humilde como esta criança, este é o maior no Reino dos céus” (Mt 18:4); “Bem-aventurados os pobres em espírito […], os humildes […], os puros de coração […]. Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, pois deles é o Reino dos céus” (Mt 5:3-10).

Dá para imaginar um mundo assim? A ordem das coisas nesse outro reino é tão diferente de tudo o que conhecemos e imaginamos que fica difícil tentar entendê-lo. Como entender um reino onde o oportunista não tem primazia, onde as crianças são exemplo de conduta, onde os pobres de espírito, os humildes, os puros e os perseguidos são colocados como destaque e merecedores do Céu? É possível imaginar um reino onde a lei de sobrevivência não depende da cadeia alimentar e onde o capital não é o valor principal? “Mas acumulem para vocês tesouros no Céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem furtam” (Mt 6:20).

Esse reino está à sua disposição por meio da vitória de Cristo na cruz. Tire um tempo para pensar nas promessas desse mundo reservado para nós. Esse é um mundo pelo qual vale a pena lutar!

OUTRAS NOTÍCIAS