Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Preso suspeito de ser o mandante do triplo homicídio de pessoas da mesma família em Feira

Preso suspeito de ser o mandante do triplo homicídio de pessoas da mesma família em Feira

Um homem de 58 anos foi preso no final da tarde desta sexta-feira (4), em Feira de Santana, suspeito de ser o mandante do triplo homicídio ocorrido no mesmo município no último final de semana. A informação é da Polícia Civil da cidade.

Pai, mãe e filha foram assassinados dentro da casa onde moravam no bairro Campo Limpo, após dois homens armados chegarem em uma motocicleta e invadirem o imóvel na noite do dia 27 de fevereiro. A polícia já tinha informado que a motivação do crime foi vingança.

De acordo com a polícia, uma das vítimas, Pedro José Correia dos Santos, de 36 anos, teria furtado R$ 35 mil e duas armas do suspeito de 58 anos. O nome do homem não foi revelado. Ao ser interrogado, o suspeito negou envolvimento no crime.

Casal e filha de 11 anos foram mortos dentro de casa em Feira de Santana — Foto: Reprodução/TV Subaé

Casal e filha de 11 anos foram mortos dentro de casa em Feira de Santana — Foto: Reprodução/TV Subaé

A polícia também já havia informado, na última quarta-feira (2), que um dos suspeitos de participação nos assassinatos havia sido identificado, mas não detalhou se a identificação era referente aos executores ou ao mandante.

As investigações apontam que o homem que matou a família de Pedro José era detento do presídio regional de Feira de Santana e fugiu do local em fevereiro deste ano. Ele ainda não foi preso.

Crime

Família teve imóvel invadido pro homens armados, que dispararam contra os moradores em Feira de Santana — Foto: Reprodução/TV Subaé

Família teve imóvel invadido pro homens armados, que dispararam contra os moradores em Feira de Santana — Foto: Reprodução/TV Subaé

Além de Pedro José, a esposa dele, Jéssica Souza da Cruz, de 28 anos, e a filha do casal, Maila da Cruz Correia, de apenas 11 anos, foram mortas. Os assassinatos ocorreram em cômodos diferentes da casa.

Outros dois filhos do casal estavam no imóvel no momento crime, mas não ficaram feridos.

Os corpos foram velados na Igreja Evangélica do Conjunto José Reinaldo, em 28 de fevereiro, um dia após o crime.

No final da tarde, as três vítimas foram enterradas no cemitério do distrito de Maria Quitéria, na zona rural de Feira de Santana.

Imóvel foi invadido por homens armados, que assassinaram a família — Foto: Reprodução/TV Subaé

Imóvel foi invadido por homens armados, que assassinaram a família — Foto: Reprodução/TV Subaé

Informações: G1

OUTRAS NOTÍCIAS