Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Presidente da Associação dos Músicos pede apoio a Câmara Municipal de Feira de Santana

Presidente da Associação dos Músicos pede apoio a Câmara Municipal de Feira de Santana

Na tribuna livre desta quinta-feira (29), na Casa da Cidadania, o presidente da Associação dos Músicos, Adilson José Santos (Billy Som) solicitou aos vereadores maior atenção e reconhecimento com a categoria.

“A cultura em Feira de Santana vem morrendo, o setor cultural passa por momentos difíceis, é sabido por todos que essa pandemia veio para assolar essa humanidade”, declarou o presidente.

Segundo o representante dos músicos, a categoria tem sofrido inúmeras dificuldades financeiras, a ponto de terem que vender seus instrumentos de trabalho para sobreviverem. “São 5.564 mil pessoas que precisam ser assistidas, pessoas que dependem do setor cultural para sobreviverem, essas pessoas estão sem perspectiva nenhuma de retomada do trabalho, neste mês de maio se completa 1 ano e 5 meses que a categoria em Feira de Santana não consegue trabalhar”, afirmou.

De acordo com Billy Som, não existe ‘justificativa’ para o setor cultural ainda se encontrar parado, sendo que os ‘ônibus da cidade e o comércio permanecem superlotados’. O presidente deixou um questionamento aos vereadores. “Qual a categoria vai suportar 1 ano e 5 meses sem um recurso financeiro e sem perspectiva de trabalho?”, finalizou.

OUTRAS NOTÍCIAS