Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Polícia Federal investigada Embasa por jogar 756 milhões de litros de esgoto no mar do Rio Vermelho

Polícia Federal investigada Embasa por jogar 756 milhões de litros de esgoto no mar do Rio Vermelho

rio-vermelhoo

Na manhã desta terça-feira (14), a sede da Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa) recebeu agentes da Polícia Federal (PF), que cumpriam mandatos de busca e apreensão. A investigação quer descobrir se a estatal cometeu crime ambiental

De acordo com a PF, foi constatado o lançamento de esgoto sanitário no mar do Rio Vermelho, em março de 2016, por meio do emissário submarino, sem o devido tratamento no material, o que iria reduzir os impactos no meio ambiente.

O caso aconteceu após um acidente com um ônibus, o que causou a suspensão da energia na Estação de Tratamento de Água do Lucaia. No mar foram despejados 756 milhões de litros de esgoto. Por conta da falta de energia, a Embasa alegou na época que não foi possível finalizar o processo de tratamento do material e ainda que seria impossível impedir que o esgoto chegasse ao mar.

Através de nota, a Embasa confirmou a operação da PF e deixou claro que a Diretoria Executiva da estatal se colocou à disposição dos agentes para auxiliar no esclarecimento da situação.

OUTRAS NOTÍCIAS