Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

PM que ameaçou “arrebentar” aluno será afastado de escola no DF

PM que ameaçou “arrebentar” aluno será afastado de escola no DF

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) vai afastar o agente que ameaçou “arrebentar” um estudante do Centro Educacional (CED) 1 da Estrutural, na última quinta-feira (5/5).

“Sobre a possível ameaça envolvendo um policial militar e um aluno da escola, informamos que o caso será apurado e que os responsáveis serão afastados das atividades”, afirmou a corporação, por nota.

O CED 1 é uma escola cívico-militar. Segundo a PMDF, o caso foi um episódio pontual e não representa a filosofia do projeto de colégios com gestão compartilhada.

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) e a Secretaria de Educação do DF também investigarão o caso.

A escola é palco de confusão desde que a antiga vice-diretora chamou um policial militar de “cagão”. Com a polêmica, a mulher foi exonerada, o que motivou protesto por parte dos alunos.

“Te arrebento”

Nas imagens, o policial é flagrado mandando o garoto colocar as mãos para trás e questiona se o adolescente é corajoso. “Na frente dos outros, você não é machão?”, pergunta o PM.

A conversa entre os dois continua sob tom de ameaça. Segundo o estudante, o policial o desrespeitou desde o início do diálogo.

Como resposta, o PM grita para o jovem “abaixar a bola”. Na sequência, o aluno indaga se o militar vai bater nele. “Se precisar, você quer ver? Eu te arrebento”, responde o oficial.

No fim do vídeo, outro estudante, que gravou toda a cena, alega que os adolescentes são tratados como bandidos no Centro Educacional.

Veja o vídeo da ameaça:

Leia a nota PMDF na íntegra:

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) informa que o modelo de Escolas de Gestão Compartilhada atende a 12 de cerca de 720 unidades de ensino público do Distrito Federal, selecionadas mediante critérios de vulnerabilidade como violência, evasão escolar e Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da região, e é implementada após consulta democrática à comunidade escolar.

O CED 01 da Cidade Estrutural foi uma das primeiras escolas a aderir ao projeto, com mais de 90% de aprovação de professores, servidores, estudantes maiores de 18 anos e pais de alunos. Sobre a possível ameaça envolvendo um policial militar e um aluno da escola, informamos que o caso será apurado e que os responsáveis serão afastados das atividades. A PMDF destaca, por fim, que o fato foi pontual e não corresponde com a filosofia do projeto e com o comportamento dos demais profissionais, que são selecionados e recebem capacitação para a função.

OUTRAS NOTÍCIAS