Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Pazuello avalia habeas corpus no STF para não depor na CPI da Covid-19

Pazuello avalia habeas corpus no STF para não depor na CPI da Covid-19

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello avalia impetrar um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal para não depor à CPI da Pandemia, previsto para o dia 19 de maio.

Isso seria uma mudança na sua estratégia jurídica para o depoimento. Até agora, a linha jurídica tem sido a de comparecer e  responder à todas as perguntas.

Segundo a CNN, o habeas corpus pode acontecer para ele não comparecer na CPI;
ele comparecer e silenciar para apenas algumas perguntas.

O motivo é que, na avaliação de interlocutores de Pazuello, a CPI já tem um juízo de valor sobre a gestão do ex-ministro no ministério da Saúde e que o que ele for falar na comissão será inócuo para a sua defesa.

Informações: Agencia Brasil

OUTRAS NOTÍCIAS