Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Para por fim para a má gestão da campanha de Lula, o PT propõe uma mudança na comunicação

Para por fim para a má gestão da campanha de Lula, o PT propõe uma mudança na comunicação

O PT estuda trocar o comando de comunicação na campanha do ex-presidente Lula, com a saída de Franklin Martins, ex-ministro da Comunicação nos governos petistas, por Edinho Silva, prefeito de Araraquara. A mudança pretende pôr um freio de arrumação no rumo da campanha e Edinho é o favorito entre os petistas.

Martins enfrenta desgaste dentro do partido desde antes de o marqueteiro Augusto Fonseca ser afastado da campanha. Quadros do partido ficaram insatisfeitos com as primeiras peças veiculadas na TV, com a crítica de que Lula não passou emoção e energia necessárias em suas falas aos eleitores.

blog confirmou com interlocutores que Edinho, para além de estar cotado, já teve uma reunião com Lula, mas sem ter recebido por ora um convite formal para integrar a campanha presidencial.

Para a vaga deixada por Fonseca, o PT encaminha o ingresso do publicitário Sidônio Palmeira, que fez campanha de Rui Costa e Jaques Wagner, na Bahia – além de ter participado da campanha de Fernando Haddad à presidência em 2018.

Ainda não há confirmação oficial dentro do partido. “Estamos em negociação, que iniciamos essa semana”, disse ao blog Gleisi Hoffmann.

 

Fonte: g1.globo.com

 

OUTRAS NOTÍCIAS