Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Para não ter casos de pessoas escolhendo vacinas, secretário de saúde diz que não irá mais divulgação prévia das doses aplicadas

Para não ter casos de pessoas escolhendo vacinas, secretário de saúde diz que não irá mais divulgação prévia das doses aplicadas

Foi retomada na manhã desta segunda-feira (28) em Feira de Santana, a vacinação da primeira dose contra a Covid-19, para pessoas acima de 44 anos de idade, gestantes e puérperas.

Na UniFTC, cerca de 27 postos de vacina estavam atendendo toda a população que madrugou na fila. Em entrevista, o secretário de Saúde, Marcelo Britto, afirmou que quanto mais baixa a idade da vacina, maior será o público.

“Cada vez que a gente baixa um ano na idade, a tendência é que possamos ter uma quantidade maior de pessoas, como estamos vendo hoje aqui na UniFTC. Quando estávamos vacinando o público de 70 anos, não era dessa forma, mas quando baixamos, o contingente tende a aumentar. Porém como podemos observar, hoje aqui na UniFTC, a vacina está acontecendo de forma rápida, mesmo que a fila esteja longa, porém estamos com 27 unidades de atendimento e desta forma o processo se torna acelerado, sem contar que nas UBS, a vacinação também está acontecendo. Como amanhã é terça, caso ainda tenha doses da vacina, nós iremos distribuir também para os PSFs, pois às terças e quintas, é dia de vacinação nesses locais, ou seja, além das 11 UBS, ainda teremos mais 21 PSFs”, disse.

Ainda segundo o secretário, todas as medidas estão sendo tomadas para que o município de Feira de Santana possa receber vacinas da Janssen.

“Nós precisamos de mais vacinas, porém por que não chega vacina da Janssen? Vamos tentar fazer a vacinação da Janssen e eu acabei de ler uma informação que vários municípios que receberam essa vacina, não vacinaram neste final de semana, mas a questão não era ter pressa para vacinar, ser logo utilizada? Só três municípios vacinaram e se Feira tivesse recebido, tenho certeza que iríamos vacinar nesse final de semana. Essa situação da vacina vir para o município já passou da mão do prefeito para a procuradoria-geral, e eles estão adotando as providências no sentido de defender os interesses da população de Feira de Santana”, destacou.

A secretaria de Saúde identificou que muitas pessoas estavam optando por vacinas e deixando de ser imunizadas. De acordo com o secretário, por conta disso, a divulgação prévia foi suspensa e as pessoas serão informadas sobre a fabricante da vacina no momento da aplicação

“Hoje não estamos mais anunciando o tipo de vacina. As pessoas devem se dirigir a qualquer unidade e lá vai encontrar qual é a vacina que está sendo aplicada. Não estamos mais dando essa informação prévia porque percebemos que as pessoas estavam tentando escolher as vacinas sem nenhum tipo de critério técnico, sem nenhuma justificativa. Dessa forma, nós desistimos de fazer os anúncios e, no momento da aplicação, esta pessoa fica sabendo através da vacinadora e na caderneta de vacinação que terá todas as informações”, concluiu.

Informações: Feira 24h

OUTRAS NOTÍCIAS