Para barrar denúncia à Temer, doze ministros devem reassumir mandatos na Câmara

Para barrar denúncia à Temer, doze ministros devem reassumir mandatos na Câmara

38894251_304

Com o objetivo de ajudar a barrar no plenário a denúncia por corrupção passiva contra o presidente Michel Temer, apresentada pela Procuradoria-Geral da República, os doze ministros do governo que são deputados licenciados devem reassumir os mandatos na Câmara.

A votação está marcada para quarta-feira (2) e o presidente Michel Temer tem passado os últimos dias em articulações políticas, que incluem distribuição de cargos e emendas parlamentares, pedindo apoio para se manter no cargo.

OUTRAS NOTÍCIAS