Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

Pais tomam veneno após filho morrer picado por escorpião

Pais tomam veneno após filho morrer picado por escorpião

pais morrem

Um menino de 4 anos morreu depois de ser picado por um escorpião na segunda-feira (2) em Ibirá, no interior de São Paulo. Desesperados com a perda, os pais da criança resolveram tomar veneno. Lucas Sanches da Silva, 40, pai do menino, morreu nesta terça-feira (3) e a mãe do garoto, Natália Balieiro, está internada em estado grave na UTI do Hospital de Base de São José do Rio Preto.

A família vivia na fazenda em que Lucas e Natália trabalhavam. Ainda não se sabe que tipo de veneno o casal tomou. Após o menino ter sido picado, os pais o levaram até o Hospital da Unimed, em Rio Preto. Depois de ser atendido, o garoto foi transferido para o Hospital da Criança e Maternidade (HCM) e acabou morrendo. Ao saber da morte do filho, o casal voltou para Ibirá, retornando à fazenda, e tomou o veneno.

O filho do dono da fazenda ainda chegou a socorrer os dois até a Santa Casa de Ibirá. O pai já chegou desmaiado e acabou não resistindo e a mãe foi logo transferida.

Conforme o delegado Luciano Teres, o que mais chamou atenção foi o fato de os dois terem tomado veneno. ” Porque geralmente um dos pais segura, pondera. Mas, ao que parece, é que os dois decidiram tomar o veneno em um ato desesperado mesmo”, afirmou.

Conforme informações do G1, os corpos do menino e de Lucas foram velados nesta terça. O avô materno do menino, José Manuel Fernandes Balieiro, afirmou que Natália sempre dizia que não conseguiria viver se perdesse o filho.

OUTRAS NOTÍCIAS