Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

No mês de prevenção do suicídio, Feira ganha um posto do Centro de Valorização a Vida

No mês de prevenção do suicídio, Feira ganha um posto do Centro de Valorização a Vida

152386-3

Com a inauguração do Centro de Valorização da Vida (CVV), Feira de Santana passa a integrar a rede nacional de postos de prevenção ao suicídio, considerado pelo Ministério da Saúde um problema grave de saúde pública, tirando a vida de uma pessoa por hora, no Brasil, período em que outras três tentaram, sem sucesso, se matar.

Instalado na Rua Senador Quintino, na manhã desta sexta-feira (14),  o CVV tem o objetivo de prestar serviço voluntário e gratuito de apoio emocional, atendendo presencialmente ou pelo telefone 188. Inicialmente, o núcleo local vai funcionar com uma equipe formada por doze voluntários aptos a fazer o acolhimento de pessoas emocionalmente acometidas por problemas psicológicos, como depressões, ansiedade ou stress.

Ouvir as pessoas e ajudá-las

“O nosso trabalho consiste em ouvir as pessoas e ajudá-las a superar os seus problemas. Os voluntários do CVV não são necessariamente detentoras de nenhuma especialidade no campo da saúde, e não temos nenhum vínculo político-partidário ou religioso”, destaca Maria Bernadete Farias Costa, coordenadora da unidade.

O estudo e a discussão do tema suicídio é uma das formas mais eficientes de se promover a prevenção, que só é possível quando a população, os profissionais da saúde, jornalistas e governantes têm informações suficientes para conduzir as medidas adequadas e ao seu alcance nessa frente.

Perfil da Instituição

Fundado em São Paulo em 1962 o Centro de Valorização da Vida é uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica, reconhecida como de Utilidade Pública Federal em 1973, mantenedora e responsável pelo Programa CVV de Valorização da Vida e Prevenção do Suicídio, desenvolvido pelos Postos do CVV em todo o Brasil.

OUTRAS NOTÍCIAS