Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

No Brasil, 60% dos solteiros só aceitam sair com pessoas vacinadas

No Brasil, 60% dos solteiros só aceitam sair com pessoas vacinadas

A estação mais quente do ano está chegando e traz com ela a promessa de ser o “verão do amor”, com a flexibilização das medidas de restrição contra a Covid-19 e o avanço da vacinação, embora a pandemia ainda não tenha acabado. Estar vacinado, inclusive, é requisito essencial para conseguir um date com a maioria dos solteiros no Brasil, de acordo com uma pesquisa feita pelo aplicativo global de relacionamento Inner Circle.

O levantamento, que entrevistou 2.000 solteiros no final de novembro, mostra que seis em cada dez deles só aceitam ir a um encontro se o outro estiver vacinado. Com base nessa informação, o aplicativo criou o termo imuni-date: o encontro entre duas pessoas completamente vacinadas, que podem deixar a preocupação com a Covid-19 em casa.

Os dados também mostram que a vacinação não é tabu para os solteiros: 66% deles falam abertamente sobre estarem vacinados antes de se encontrarem pessoalmente com seus matches e se sentem à vontade de provar que se imunizaram, caso o crush peça a comprovação.

Expectativa alta para o verão

Com 65% da população brasileira totalmente vacinada e mais de 70% com pelo menos a primeira dose da vacina, as expectativas para o verão estão altas. Três quartos (75%) dos entrevistados acreditam que vão flertar mais do que no verão passado e 36% já foram a algum date nos últimos dias.

O aplicativo também viu seu número de membros crescer: 47% dos solteiros que responderam à pesquisa criaram seu perfil recentemente, depois de perceber que a situação está mais controlada no país, com a maioria da população vacinada, e é seguro voltar a flertar e ir a encontros.

Além disso, entre os 73% que já estão planejando encontros para este mês, 56% mostraram que preferem organizar seu imuni-date em locais abertos ou não tão cheios, como um bar mais intimista ou um parque, o que indica preocupação em se proteger contra a infecção pelo coronavírus, mesmo diante da retomada parcial da vida social.

“Não temos dúvida de que este será o verão do amor, já que a população está amplamente vacinada e ficamos muito tempo longe uns dos outros. Incentivamos os imuni-dates porque acreditamos que o clima do verão é propício para flertar e conhecer pessoas novas, sempre com responsabilidade e cuidado, além de estarem vacinadas”, ressaltou Ximena Buteler, gerente regional de marketing do Inner Circle.

Informações: R7

OUTRAS NOTÍCIAS