Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on google
Share on email
Share on linkedin

Netflix fará remake como primeira novela no Brasil; veja detalhes e quem deve ser protagonista

Netflix fará remake como primeira novela no Brasil; veja detalhes e quem deve ser protagonista

Como se já não bastasse ter se tornado o algoz da TV Globo com suas séries, agora a Netflix também pretende entrar na briga com a concorrente no segmento de novelas. Depois de contratar alguns nomes conhecidos que já passaram pela emissora, a plataforma de streaming está prestes a anunciar a sua primeira novela no Brasil.

Segundo informações apuradas e divulgadas pelo site Na Telinha, a trama escolhida será Dona Beija, sucesso de 1986, exibida originalmente na TV Manchete, que teve no elenco Maria Isabel de Lizandra. Apesar de não agradar a empresa inicialmente, que preferia uma produção considerada icônica na memória afetiva do público, passou a ser vista com bons olhos por se tratar de uma obra conhecida no mundo todo.

De acordo com a publicação, os direitos da novela foram adquiridos pela produtora Floresta, que está em negociações avançadas com a Netflix e foi comandada por muito tempo por Elizabetta Zenatti, atual diretora de conteúdo do serviço de streaming. Conforme o site, a intenação da Netflix é de anunciar que Dona Beija será exibida em 2022 no Brasil e terá lançamento mundial, seguindo o texto original, com 89 capítulos, e que deverão ser compilados em menos da metade. A equipe de roteiro, direção e até mesmo elenco está sendo mantida em completo sigilo.

No entanto, ainda segundo a publicação, alguns nomes que já estão com contrato fixo com a empresa serão procurados para trabalhar na novela, como é o caso de Bruno Gagliasso e de Bruna Marquezine. Mas, o sonho da empresa para protagonista, vivida na época por Maitê Proença, é ter Grazi Massafera, que há pouco tempo anunciou a saída a Globo.

História da trama
“Dona Beija”, escrita por Wilson Aguiar Filho e dirigida por Herval Rossano, teve como protagonista Maitê Proença. Foi baseada na história real de Ana Jacinta de São José, conhecida como Dona Beja, que viveu na cidade mineira de Araxá, no século XIX. Na produção, ela se apaixona por Antônio Sampaio (Gracindo Júnior), um homem de família conservadora. Porém, vira alvo de Mota (Carlos Alberto Soares), o ouvidor do Rei, e acaba raptada para ser mantida como amante dele. Para se vingar, ela transa com outros homens em troca de jóias e ouro e se torna muito rica. Depois, vai atrás do antigo amor, mas, ao encontrá-lo casado, se decepciona e decide abrir um bordel. Então, fica famosa como cortesã, escandalizando os moradores.

Informações; Bnews

OUTRAS NOTÍCIAS