Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email
Share on linkedin

‘Muito desespero’, diz irmão de homem que desapareceu após ser arrastado por enxurrada; Buscas seguem nesta quarta

‘Muito desespero’, diz irmão de homem que desapareceu após ser arrastado por enxurrada; Buscas seguem nesta quarta

O vendedor Carlos Antônio, de 37 anos, que desapareceu após ser arrastado por uma enxurrada ao tentar atravessar ponte sobre rio, em Feira de Santana, a cerca de 100 quilômetros de Salvador, segue desaparecido.

Nesta terça-feira (9), Tomé Jesus, irmão do vendedor disse que a família está sem dormir desde o ocorrido.

“Muito desespero, ninguém dormiu esperando uma notícia”, disse Tomé de Jesus.

Já Carlos Alberto dos Santos, tio de Carlos Antônio, disse que o sobrinho não sabia nadar.

“É um pouco [funda a área]. Para ele que não sabe nadar, era funda”, disse.

O caso ocorreu na tarde de segunda-feira (8) e nesta terça (9) as buscas continuaram, mas sem sucesso. Elas serão retomadas nesta quarta (10).

A situação foi registrada por testemunhas, na localidade do Campo do Gado Novo, e gravada com celular.

As imagens mostram que dois homens tentaram ajudar o rapaz, amarrando uma corda para que ele se segurasse, no entanto, ele é levado pela enxurrada e some.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a água é turva e a má visibilidade dificultam os trabalhos das equipes, além da intensa correnteza.

Nos últimos dias, Feira de Santana foi atingida por fortes chuvas, inclusive com raios e trovões. Por isso, o Rio Jacuípe, que passa pela região, está com volume mais alto que o normal.

Além disso, um outro caso semelhante foi registrado na cidade de Antônio Cardoso, na Ponte do Mocó. Segundo o Corpo de Bombeiros, um homem também tentou atravessar a ponte quando foi levado pela enxurrada. A data do ocorrido não foi detalhada.

Informações: G1

OUTRAS NOTÍCIAS