Morre Domingos Lemos, o ‘Preto Velho’ do Pelourinho

Morre preto velho do Pelourinho

 

Morre preto velho do Pelourinho

Domingos Teixeira Lemos, conhecido como Preto Velho, figura mítica do Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, morreu na noite de quarta-feira (20), aos 91 anos, afirma Adaílton Araújo, sobrinho dele.

“Ele morreu em casa. Quando saí do trabalho, tentamos levá-lo para o hospital, mas ele não aguentou a dor”, diz o jovem, que morava com ele. De acordo com o sobrinho, Preto Velho descobriu um câncer de próstata há cerca de três anos. “Ele tinha a doença, mas não fez tratamento no início. Começou depois, no (Hospital) Aristides Maltez”, afirmou. A família ainda não sabe quando será o enterro.

Estivador e camelô, Preto Velho tinha um bar na Rua Gregório de Matos, no Pelourinho, e era conhecido por sua barba branca e pelo cachimbo. Informações do G1/Bahia.

OUTRAS NOTÍCIAS